Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

ZÉ MARIA BATE EM LUIS DA FUNERÁRIA SEM DÓ NEM PIEDADE

Sem querer fazer defesa de quem quer que seja, a consideração da cidadania  a terra dos poetas para trabalhar e empreender não merece o que foi dito hoje no programa do meu colega de trabalho, Van Fernandes no seu programa “PONTO A PONTO” na rádio ASSU FM.

O convidado extrapolou na agressividade ao ex-secretário de desenvolvimento econômico do município, Luis da funerária.

O Assú sempre foi grande com os seus nascentes e descendentes, mas, nunca ignorou os que vieram de longe e contribuíram para o desenvolvimento da nossa terra. Cito o Dr. Milton Marques que deixou a sua marca para a posteridade como exemplo, e poderia citar centenas se possível fosse.

Não somos donos de onde nascemos, a migração sempre foi um fator primordial para o estímulo do crescimento de qualquer região. Motivo pelo qual governos se propõem em proporcionar incentivos fiscais ao bom empreendedor afim de gerar empregos.

Se prover interesse político de quem chega é puramente justo e democrático, o que não justifica agressão velada.

Também citando o nome de Arcelino Costa Leitão que representante de uma algodoeira do Ceará se elegeu prefeito de Assú, como também a sua companheira, Maroquinha.

José Regis de Souza

REGIStrando

Publicidade: