Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

SEM PATROCÍNIO DA PREFEITURA DE ASSÚ RÁDIO DE LUCÍLIO VAI A BANCARROTA

bancarrota

Se o prefeito Gustavo Soares não acudir o mais rápido possível a rádio de Lucílio Filho liberando recursos do seu governo para publicidade institucional, a emissora AM de Assú corre o risco de conviver em condição falimentar e não resistir a crise que ora passa todo setor empresarial do pais.

A rádio do chefe-mor da mídia assuense já deu provas suficientes ao deputado George Soares, ao ex-prefeito Ronaldo e o Atual, Gustavo Soares, que o arrependimento pelas ardilosas campanhas  sob o manto da obscuridade favorecendo seus adversários,  embora que tardio, já aconteceu e já merece o perdão do grupo que governa o Assú.

Se bem que penso exatamente o contrario do que escrevi no paragrafo anterior, talvez por ter sido vitima de Lucílio Filho, que numa atitude desumana, ingrata, frívola, bem ao estilo do seu caráter, optou por sacrificar o meu programa de vinte anos, me demitindo, para atender os caprichos de quem lhe pagava na época e o tinha como refém.

Quem tem obrigação de acudir a rádio de Lucílio, são os mesmos que ele tentou ajudar a derrotar, doutor Gustavo, George e Ronaldo em campanhas anteriores.

José Regis de Souza

REGIStrando

Publicidade:
Leila cabeleileira