Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

CENTRO DE CONTROLE OPERACIONAL DA CAERN ACOMPANHA DEMANDAS DE MANUTENÇÃO EM TEMPO INTEGRAL

Uma sala equipada com telões. Em cada tela, gráficos, ilustrações e informações de todas as demandas de manutenção na rede de abastecimento de água da zona sul, leste e oeste de Natal. Seis equipes de operadores de sistemas de água, que se revezam na execução de reparos de redes ou ramais, e uma equipe de técnicos que se divide em turnos para distribuir as ordens de serviço e acompanhar, em tempo real, a realização de cada reparo.

O trabalho não para. O Centro de Controle Operacional da Caern (CCO) trabalha 24 horas por dia, os sete dias da semana, todos os dias do ano, para atender dentro do prazo regulatório as demandas que são registradas através do teleatendimento 115, do atendimento virtual (www.caern.com.br) ou através do aplicativo Caern Mobile.

De acordo com o engenheiro da Caern, Ricardo Luz, as ordens de serviço são executadas pelas equipes de operadores. “Temos três equipes por dia nas ruas e cada equipe realiza de seis a sete ordens de serviços por dia. Ao chegar ao local, os operadores tiram fotos com um smartphone da empresa e enviam para nosso sistema, além das informações sobre o serviço que será executado”, explicou.

Assim que o cliente entra em contato com a Caern e registra sua solicitação, as demandas salvas aparecem em mapas nos telões para que os técnicos do CCO possam distribuir as equipes de manutenção. A maior demanda que chega ao centro é para reparo de vazamentos em ramais e em redes, serviços que duram em média uma hora para ser finalizados.

O centro é responsável por acompanhar todas as demandas de manutenção na rede de água das zonas sul, leste e Oeste de Natal. Além disso, a equipe realiza o acompanhamento do volume e vazão de poços, reservatórios e bombas que fazem parte do sistema de abastecimento da região. A previsão da Caern é que em alguns meses o CCO também registre as demandas da Zona Norte da capital.

Assessoria de Comunicação Social – ACS

Publicidade: