Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

Pane eletromecânica na adutora e P-22 compromete abastecimento em Mossoró

logo caern

Problemas eletromecânicos detectados nas bombas instaladas no poço 22 localizado no bairro Costa e Silva e também na captação da adutora Jerônimo Rosado, em Assú, resultaram na redução da oferta de água na cidade de Mossoró nesta segunda feira (06), para os bairros Costa e Silva, D. Jaime, Alto da Pelonha, Walfredo Gurgel, Ulrick Graaf e Pintos. A previsão da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) é concluir o conserto, inclusive do equipamento-reserva que também queimou durante a substituição na adutora, é até quarta-feira (08) e a recuperação completa do abastecimento até a noite da sexta-feira (10).

Enquanto o problema permanecer, o abastecimento será feito com o remanejamento da água dos poços P-26 e P-24 e parte da adutora. De acordo com o gestor da Unidade de Abastecimento de Água de Mossoró, Márcio Bruno Dantas, o trabalho no P-22 é complicado porque o equipamento está instalado a 300 metros de profundidade, dificultando tanto a retirada para avaliação e conserto, quanto a colocação do equipamento. O P-22 produz cerca de 150 mil litros de água por hora diariamente.

ADUTORA

A adutora Jerônimo Rosado, responsável por 30% do abastecimento da cidade de Mossoró, sofreu redução de aproximadamente 10% motivada pela pane elétrica em uma das três bombas instaladas na Estação Elevatória 01 da captação na barragem Armando Ribeiro Gonçalves, em Assú. A previsão é até quarta-feira a adutora voltar a funcionar plenamente, ficando o P-22 para sexta-feira. Enquanto o fornecimento estiver reduzido, a orientação dos técnicos é para os moradores desses bairros controlarem o consumo, especialmente aqueles que estão situados em áreas com topografia mais baixa.

Ligia Cortez – ACS Caern

Publicidade: