Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

ITAJÁ: A Secretaria Municipal de Agricultura, informa aos produtores, que a Campanha Contra Febre Aftosa foi adiada

Por recomendação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA. Reforçando a solicitação do MAPA, que visa como medida o combate ao novo Coronavírus (COVID-19). O Instituto de Defesa Inspeção Agropecuária do Rio Grande do Norte – IDIARN, adiou para junho o início da primeira etapa da Campanha de vacinação contra a Febre Aftosa.

A campanha será durante todo mês de junho e o produtor terá até o dia 15 de julho para declarar o rebanho. Nessa primeira etapa, a vacinação é obrigatória para os animais de todas as idades. O produtor cadastrado junto ao IDIARN deve adquirir sua vacina em uma das lojas autorizadas a comercialização e, após isso, vacinar os animais e declarar a rebanho no escritório da EMATER LOCAL. A campanha segue até 30 de junho.

É importante que a declaração de vacinação, bem como atualização do rebanho, informado os nascimentos e mortes seja formalizada para o IDIARN do município. Vale lembrar que no momento atualização do cadastro o criador deve ter em mãos a seguinte documentação: CPF e nota fiscal da vacina.

Para mais informações: ligação ou WhatsApp com Coordenador Lindemberg Lima, através do contato: (84) 99927-0002 ou na EMATER local, localizada na Rua: José Alexandre Lopes, no Bairro São Manoel, com horário de atendimento das 7:00 ás 13:00 horas de segunda a sexta-feira.

Assessoria de Comunicação de Itajá

Postado por Iria Araujo

Publicidade: