Loading Player...


Você está ouvindo uma transmissão ao vivo ...
OUÇA EM OUTROS DISPOSITIVOS:
OR Choose your mobile to Tune-In

Audiência vai debater serviço de defesa e inspeção agropecuária no RN

RN

O serviço de defesa agropecuária e inspeção de produtos de origem animal no Rio Grande do Norte será tema de audiência pública, na próxima segunda-feira (5), às 14h, na Assembleia Legislativa. Proposto pela deputada Larissa Rosado (PSB), o debate visa discutir as condições de trabalho e funcionamento do Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do Estado (IDIARN).

“O instituto tem como missão exercer o controle e a inspeção de produtos de origem agropecuária, assegurando a oferta de produtos de qualidade, contribuindo para a preservação da saúde pública, do meio ambiente e o aumento da competitividade”, justifica Larissa, via requerimento.

O IDIARN foi instituído em 2006 como autarquia vinculada à Secretaria de Estado da Agricultura, da Pecuária e da Pesca (SAPE). Um dos serviços prestados pelo instituto é a inspeção e fiscalização de propriedades rurais e os estabelecimentos que abatem, recebem, industrializam e comercializam espécies animais e produtos de origem animal.

Dison solicita melhorias para escolas

DISON

O deputado Dison Lisboa (PSD) apresentou requerimentos propondo que a Secretaria de Educação do RN realize melhorias nas escolas de São José de Mipibu e Tibau do Sul. No caso de São José, trata-se da reforma da quadra poliesportiva da Escola Estadual Professor Francisco Barbosa.  Para a Escola Estadual José Mamede, em Tibau do Sul, estão sendo solicitadas reforma e ampliação.

“Há anos que a estrutura da escola José Mamede necessita de melhorias. A situação atual dificulta as atividades da escola. Estamos solicitando que esta obra seja prioridade a fim de proporcionar melhores condições de ensino e aprendizagem”, defendeu Dison.

Com relação à quadra de esportes da escola Professor Francisco Barbosa, as ferragens já estão aparentes, colocando em risco a segurança dos alunos que utilizam o espaço.

Gustavo Fernandes pede ao DNOCS doação de alevinos para açude de Riacho da Cruz

GUSTAVO

O peixamento do açude público do município de Riacho da Cruz, no Oeste do Rio Grande do Norte, é pleito do deputado estadual Gustavo Fernandes (PMDB), que apresentou requerimento à mesa diretora da Assembleia Legislativa, solicitando ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) a doação de 50 mil alevinos de tilápia. O documento foi encaminhado ao coordenador do órgão no Estado, José Eduardo Alves Wanderley.

“O pedido em referência é uma reivindicação antiga que nos foi apresentada pelo vereador Rillen Rocha (PMDB), e considerando a relevância do pleito, solicitamos urgência no atendimento deste requerimento”, justifica o Gustavo Fernandes.

Ao requerer a doação ao Departamento Nacional de Obras Contra as Secas, Gustavo Fernandes explicou que quando o alevino se destina a povoamento ou repovoamento de águas públicas, sejam federais, estaduais ou municipais, ou quando se trata de apoio a associações comunitárias, é o DNOCS que faz a doação.

O órgão dispõe de 12 estações de piscicultura distribuídas por toda a região Nordeste, que produzem anualmente cerca de 35 milhões de alevinos das mais diversas espécies, atendendo tanto a piscicultores particulares quanto ao povoamento de açudes públicos.

Alevinos

Os alevinos são os filhotes de peixes, que acabaram de deixar a fase de larva, exatamente quando começam a se alimentar no ambiente externo. Nesta fase é extremamente necessário cuidados especiais e acompanhamento constante, pois estão em pleno desenvolvimento.

Assembleia concede título de cidadão norte-rio-grandense ao professor André Lemos

LEMOS

A Assembleia Legislativa concedeu nesta sexta-feira (2), em solenidade no plenário da Casa, título de cidadão norte-rio-grandense ao professor André Lemos Araújo. A homenagem foi proposta pelo deputado Hermano Morais (PMDB), em reconhecimento aos serviços prestados pelo educador no Rio Grande do Norte.

“É aqui, em nosso Rio Grande do Norte, que este homem de fibra quer ver nascer e crescer os seus filhos. Porque foi aqui que a sua história profissional e familiar se desenhou e se fortaleceu. Um Estado dono deste coração cearense, agora, mais do que nunca, potiguar: por destino, por sorte, por orgulho, por amor e, agora, por direito. Professor André Lemos, nosso mais novo conterrâneo, agradeço-lhe pela oportunidade de conhecer a sua história e pela honra de ter sido o propositor deste título justo e merecido”, disse Hermano.

Natural de Fortaleza, André Lemos chegou a Natal em 1999. Formado em Administração, Direito e Comércio Exterior, o professor planejou e criou, na UnP, o primeiro Curso de Relações Internacionais do Rio Grande do Norte, único da América Latina com 3 anos de formação, bacharelado e reconhecimento com nota 4,5 pelo Ministério da Educação e da Cultura (MEC).

À frente do curso, André foi eleito pela instituição como o melhor coordenador de curso no período. Em seguida assumiu a Direção Acadêmica dos Pilares Estratégicos da UnP: empregabilidade, qualidade acadêmica, internacionalidade e compromisso Social. Em 2016, recebeu o prêmio de gestor educacional do ano ABMS, sendo o primeiro nordestino agraciado com a premiação, considerada a principal em gestão educacional do Brasil. Atualmente, André é diretor geral da Faculdade Maurício de Nassau, em Natal.

Durante a solenidade, que contou ainda com a presença do deputada Cristiane Dantas (PCdoB), o professor falou sobre a sua carreira profissional no Estado e agradeceu ao deputado Hermano pela homenagem. “Esse título é a segunda maior conquista da minha vida, depois da minha família. A minha trajetória profissional tem sido construída totalmente aqui no Rio Grande do Norte, Estado que levo em meu coração, onde quer que eu vá. Possuo o ‘tanque cheio’ para fazer muito mais pelo desenvolvimento do RN, e assim o farei”, declarou emocionado o professor.

Crédito da Foto: João Gilberto

ALRN

Publicidade:
Campanha Criança Disk 100